Bem vindas e bem vindos! 

Acompanhem as novas andanças de Bifi e Quinan pela região Norte, com apresentação de O Dia da Caça, Contação de Histórias e Oficina de Palhaçaria. Bora se encontrar!

Na cidade de Manaus fizemos a Oficina de Palhaçaria onde tivemos o prazer de conhecer nossos parceiros e parceiras manauaras, além de discutir as políticas públicas de cultura com uma turma da pesada do Instituto da Amazônia, responsável pela revitalização e ocupação da Praça do Paço. 

Amazonas

Fizemos duas apresentações de "O Dia da Caça" na Feira do Paço e na Escola Paula Franssinete.

 

Em Santa Isabel do Rio Negro, o convite para o espetáculo foi feito por Bifi e Quinan nas escolas, sala por sala, de forma interativa. Apresentamos "O Dia da Caça" e a atividade de Formação de Platéia "Las Cabaças Contam" no ginásio repleto de crianças e professores.

Total de público atingido: 2293

Foto: Rodrigo Bastos

Foto: Rodrigo Bastos

Acre

Na Oficina de Palhaçaria em Rio Branco tivemos um grupo bem experiente, além da conversa com artistas e produtores locais. Essas trocas sempre fortalecem a rede entre os trabalhadores de cultura da região Norte, com tanta especificidade que caracteriza a região.

Em Xapuri fomos acompanhadas pela equipe de Comunicação da Petrobras Distribuidora na missão de gravar um vídeo institucional. Para nós, ajudar a divulgar o alcance do maior edital de circulação de Artes Cênicas do país é uma grande honra! Tivemos a sorte de chegar em Xapuri na véspera do aniversário de Raimundão, o que nos possibilitou uma apresentação extra no Seringal Floresta. 

 

Total de público atingido: 2417 pessoas

Foto: Talita Oliveira

Roraima

Estivemos em Boa Vista e Alto Alegre entre o primeiro e segundo turno das eleições para presidente. O Brasil em polvorosa! 

Conhecemos um pouco mais de perto a realidade dos nossos vizinhos Venezuelanos em Boa Vista e pudemos fazer uma apresentação extra no abrigo Rondon 1.

Total de público atingido: 1504

Foto:Marina Quinan

Em Boa Vista compareceram 447 pessoas na praça Germano Sampaio para assistir O Dia da Caça e 170 alunos na Escola Aquilino da Mota Duarte. Tivemos 25 participantes na Oficina de Palhaçaria e 15 pessoas na Usina Cultural para o Bate Papo com os artistas locais sobre o fazer cultural na região Norte.

Em Alto Alegre tivemos um público incrível de 800 pessoas na PraçaGonçalves Dias e 47 crianças na atividade de Formação de Platéia Las Cabaças Contam na Escola Ecolegis.

Rondônia

O Dia da Caça foi na praça São Sebastião com 250 pessoas e na Escola Bilíngue (ouvintes e deficientes auditivos) com 30 alunos, com um incrível Bate Papo ao final da apresentação. Neste dia Bifi e Quinan foram batizadas com um gesto para cada palhaça na linguagem de libras!!!

Na Escola Sementes do Araçá, a atividade de Formação de Plateia contou com 80 crianças do ensino infantil e fundamental.

Em Porto Velho conhecemos o grupo O Imaginário, que cedeu sua sede para a realização da Oficina de Palhaçaria, com 25 participantes e a Conversa com os Artistas Locais com 11 artistas e muitas conversas sobre políticas públicas para a área cultural.

Seguimos de ônibus para Ji-Paraná e fomos recebidas `as 6h com bom humor por Keila Silva e sua equipe. O rio Machado estava muito cheio, havia transbordado em muitos pontos da cidade, deixando 10 famílias desabrigadas. Foram alojadas no ginásio da cidade e lá fomos nós apresentar alguns números da palhaçaria para todos.

O Dia da Caça aconteceu no Teatro Dominguinhos com 200 pessoas e na Conversa com Artistas Locais tivemos 6 interessados.

Na escola Almir Zandonadi contamos com 250 crianças na Atividade de Formação de Platéia.

Total de público atingido: 896

"Quando Bifi e Quinan chegaram na floresta amazônica, respiraram um ar tão puro, que não quiseram mais usar nariz de palhaço."

Dedê Paiva

Foto: Talita Oliveira